segunda-feira, 11 de maio de 2015

Câmara Municipal: assessores começam a receber direitos negados na gestão anterior

O presidente da Câmara Municipal de Jequié, vereador Eliezer Fiim (PDT), começou a pagar os direitos trabalhistas negados aos assessores parlamentares na gestão anterior. Em 20 de outubro de 2014, data de recebimento dos salários do mês, assessores foram exonerados de seus cargos com data retroativa, sem aviso prévio, pelo então presidente José Simões, sob a alegação de ajuste do orçamento da casa. Além dos 20 dias trabalhados, os assessores não receberam férias e 13º salário, o que os levou a representar contra a presidência da Câmara no Ministério Público.

Desde que foi empossado, Fiim se comprometeu com os assessores a pagar seus direitos trabalhistas, de acordo com a lei. No último mês foram pagas as férias. O presidente estuda agora os meios para efetuar o pagamento do 13º e dos 20 dias de outubro.

James Meira

Notícias relacionadas:
Assessores parlamentares denunciam presidência da Câmara de Jequié ao MP

Vereador Fiim, presidente da Câmara (Foto: Blog Marcos Frahm)


Grupo de assessores prejudicados

Nenhum comentário: